Transformação digital nas indústrias: fique por dentro dessa realidade

transformação digital na indústria
8 minutos para ler

A transformação digital na indústria é uma realidade marcante dos nossos tempos e já está sendo alvo de discussões por diversos empresários ao redor do mundo. É preciso analisar bem esse fenômeno e conhecer os seus principais benefícios, mas, além disso, saber como implementar de maneira bem-sucedida as ferramentas que impulsionam essa realidade.

Dessa forma, cada organização consegue se adaptar à modernidade e explorar as incríveis oportunidades. Quer saber mais sobre o assunto e aprender a otimizar a eficiência na produção e a reduzir custos? Então, acompanhe atentamente o artigo que preparamos para você!

Qual a relação entre a transformação digital e a indústria 4.0?

O termo “indústria 4.0”, ou quarta revolução industrial, começou a ser relevante e utilizado na literatura depois de uma feira em 2016, em Hannover, na Alemanha.

Indústria 4.0

Foi proposto como uma maneira de explicar a modernização dos métodos industriais, em busca de aperfeiçoamento dos modelos e evolução contínua, além de adaptação aos princípios da modernidade. Por essa razão, esse termo está muito relacionado com a transformação digital.

Essa nova indústria é uma evolução dos processos tradicionais e das metodologias desenvolvidas ao longo das outras três revoluções industriais, sempre com foco em inovação. Ela dá seguimento ao uso das tecnologias da terceira revolução, de meados do século XX, como o computador e a internet. No entanto, introduz novas abordagens e equipamentos, bem como estratégias atualizadas.

O objetivo é tornar o uso dessas ferramentas ainda mais intenso e flexível, com algumas características proeminentes, como o foco em mobilidade, conectividade, automação e inteligência.

Transformação digital

A transformação digital, por sua vez, é um fenômeno amplo que representa a digitalização de atividades em empresas de qualquer nicho, com integração entre sistemas físicos, digitais e biológicos, além de pessoas e máquinas dividindo o mesmo espaço.

Nesse sentido, as tecnologias passam a ter um papel central na gestão das organizações, uma vez que os outros setores começam a depender mais das estratégias tecnológicas. 

Ela envolve um período de adaptação das empresas, que pode ser longo ou não, com alterações consideráveis no modelo de negócios e na cultura.

Logo, a indústria 4.0 é a transformação digital das indústrias, com virtualização do processo de produção, reformulação para atender às demandas tecnológicas e um objetivo bem claro: tornar a manufatura mais inteligente, eficiente e transparente.

Quais as etapas da transformação digital na indústria?

A transformação digital é um fenômeno que é aplicado em diversas fases. Conhecê-las é importante para que seja possível alcançar os resultados.

Planejamento

A primeira fase envolve a identificação de problemas na produção. Assim, é possível estruturar bem o processo e tentar mensurar o que será preciso em cada etapa, bem como quais mudanças serão buscadas.

Nesse momento, é importante avaliar quais tipos de soluções poderão se encaixar nas necessidades da sua indústria e o que vai nortear esse fenômeno. Também é a etapa de avaliar possíveis custos.

Treinamento

É fundamental alinhar os colaboradores e treiná-los acerca das novas tecnologias e de estratégias inovadoras para resolver os problemas com eficiência. Obter o melhor dos colaboradores é muito importante para que o processo seja implementado com sucesso; afinal, eles são uma indispensável parte da transformação. 

Os objetivos da digitalização devem ser plenamente conhecidos pelos membros, e eles precisam entender o fenômeno como uma maneira de otimizar os resultados, sem temer o avanço das tecnologias.

Implantação

Nessa fase, é preciso buscar maneiras específicas de resolver os problemas levantados no planejamento e iniciar a etapa prática de instalação. É um período de acompanhamento e observação, assim como aprendizado acerca das ferramentas, a fim de ajustar tudo e assegurar o alinhamento com os objetivos e necessidades.

Monitoramento

Então, começa o momento de avaliar continuamente os processos e monitorar e acompanhar os resultados em busca da evolução. O foco é ajustar sempre os resultados às necessidades e às mudanças do mercado, bem como resolver os problemas com ainda mais eficiência e em menos tempo.

A companhia não deve pensar que a transformação envolve somente o uso de tecnologias, mas a utilização estratégica e efetiva delas. Para isso, o monitoramento é fundamental.

O que precisa ser alterado nas indústrias?

Para iniciar um processo de transformação digital e obter sucesso nas estratégias, é preciso mudar o mindset dos profissionais e estabelecer uma nova cultura. Primeiro, é necessário alterar a forma como a organização enxerga a tecnologia: ela não é mais uma parte dispensável do negócio, nem um conjunto de ferramentas que apresentam ameaças. Ela se torna o foco da gestão e o norte das abordagens.

Os equipamentos e dados são ativos valiosíssimos que devem ser gerenciados com todo cuidado, pois o fluxo produtivo depende deles. É fundamental buscar segurança, uma melhor visibilidade das operações e do TI como um todo, focando a organização como maneira de obter conhecimento para tomar decisões mais rápidas e efetivas.

Gestão de pessoas

Outra mudança importante se dá na gestão de pessoas. As barreiras que afastam funcionários de diferentes níveis devem ser eliminadas e substituídas por uma comunicação horizontal, que aproveita ideias de todos. Assim, os processos são otimizados, e a empresa enfrenta as dificuldades de maneira conjunta, com o esforço e apoio de todos os envolvidos.

Com essa mudança, os colaboradores se sentirão mais livres para contribuir com o melhor deles e aproveitarão as oportunidades para cooperar com o crescimento e o cumprimento das metas. Como a transformação é um fenômeno que envolve fortemente as pessoas, essa forma de encarar as ideias dos funcionários será fundamental para impulsionar o movimento.

A digitalização dos processos é um acontecimento que visa a melhorar a qualidade de vida das pessoas e otimizar a produtividade nas empresas. Por isso, é preciso envolvimento de todos, sem resistência. É importante entender que não é somente uma fase, mas algo permanente e decisivo para a sustentabilidade de cada corporação.

Quais os benefícios da transformação digital nas indústrias?

Veremos, a seguir, os principais benefícios desse fenômeno nas indústrias.

Produtividade e maior qualidade

Uma das principais vantagens é o aumento de produtividade. Afinal, com o uso de novas tecnologias como inteligência artificial, comunicação entre máquinas, Big Data e internet das coisas, as empresas serão capazes de produzir mais em menos tempo, atendendo a maiores demandas com uma qualidade superior — tudo isso por causa da automação de atividades repetitivas, da possibilitação de decisões mais rápidas e da capacidade de controle/monitoramento em qualquer ponto da fábrica.

Redução de custos

Outro ponto que vale ser ressaltado é a redução de custos na produção. As organizações passam a evitar desperdícios e a otimizar a linha de operação, com um aproveitamento mais inteligente dos recursos existentes. Com as ferramentas de manufatura avançada, é possível otimizar o controle dos equipamentos, gerenciar melhor os ativos e alocar recursos de maneira específica para cada necessidade.

Menos burocracia

O processo de produção se torna mais ágil e menos burocrático e complexo. As equipes internas passam a se comunicar melhor — entre si e com as ferramentas tecnológicas. Isso torna as operações mais simples de serem gerenciadas, com maior visibilidade e possibilidade de acompanhamento.

Integração

Outra característica dessas tecnologias é a integração e conectividade entre diferentes pontos da indústria, bem como entre ferramentas diversas. Dessa forma, a empresa é capaz de reduzir custos e otimizar a produtividade, com maior comunicação entre os colaboradores de diversas frentes, maior disponibilidade de informação, menos falhas e menos gargalos produtivos.

A transformação digital é um fenômeno que está sendo encarado com bons olhos por boa parte dos empresários no mundo; por isso, se tornou uma questão de vantagem competitiva.

Como todo processo, é importante atentar para as principais etapas e focar o que é preciso mudar para se adaptar a essa realidade. Uma vez que a companhia faz isso, os benefícios são reais e garantem a sustentabilidade do negócio.

Agora que você sabe mais sobre a transformação digital na indústria, acompanhe a nossa newsletter e fique sempre por dentro das nossas atualizações.

Você também pode gostar

Um comentário em “Transformação digital nas indústrias: fique por dentro dessa realidade

Deixe uma resposta

-